Buscar
  • KiArgos

Limpeza hospitalar

Hospitais são um dos principais lugares onde se encontram riscos à saúde. Muitas pessoas (na maioria das vezes doentes) adentram e circulam no ambiente diariamente, e por esta razão, a limpeza, desinfecção e higienização é obrigatório.


Quando entramos num hospital e nos deparamos com um ambiente limpo e higienizado, automaticamente nos sentimos mais seguros e confortáveis. Porém, a limpeza hospitalar não pode ser equiparada com uma limpeza comum.


Envolve muitos cuidados especiais, uma vez que essa limpeza é importante não só para os pacientes, mas para os funcionários também, onde ambos estão sempre expostos a resíduos diversos.


Para que a proteção das pessoas desse ambiente seja eficiente e bem executada, a melhor opção é a terceirização desse serviço. Os profissionais são treinados e qualificados para realizarem a tarefa com eficiência, cuidado e praticidade, sempre fazendo uso dos melhores equipamentos e produtos.


A limpeza e os riscos minimizados

Como já foi mencionada, a limpeza hospitalar não é uma simples limpeza. Além de realizar a higienização do ambiente, deve ser feita também a higienização de todos os aparelhos e equipamentos utilizados, desde aqueles destinados a cirurgias até os que são utilizados em consultas.


A norma regulamentadora NR32 estabelece diversas regras e diretrizes no que se refere à proteção da saúde e segurança de todas as pessoas que trabalham em serviços de saúde. Ainda que essa NR tenha sido elaborada com foco na saúde dos trabalhadores que desempenham atividades na área da saúde, elas também beneficiam todas as pessoas que frequentam esses locais, pois essa norma garante a proteção dos ambientes.


Os riscos em hospitais são muitos. Confira os principais:


Acidentes

Tanto pacientes quanto funcionários estão suscetíveis a se machucar com objetos cortantes, máquinas e equipamentos sem proteção ou até mesmo com produtos mal armazenados. Para piorar, esses objetos ainda podem estar contaminados. E, além disso, há também a possibilidade de algum líquido ou gordura estar no chão e causar escorregões e quedas inesperadas.


Físicos

Alguns exemplos de fatores físicos são a exposição a frio e calor, umidade, radiação, entre outros.


Químicos

Esses riscos são bastante prejudiciais à saúde. Os agentes estão presentes em produtos e substâncias químicas - que são bastante comuns em hospitais - e podem entrar em contato com o organismo humano através da ingestão, exposição da pele ou pela inalação de vapores, gases e poeira.


Biológicos

Os agentes de riscos biológicos estão muito presentes em hospitais, em forma de fungos, bactérias, vírus ou doenças das pessoas que ali circulam, e ficam expostos no ar.


No momento em que ocorre a contratação de uma equipe terceirizada de limpeza hospitalar, todos esses riscos são drasticamente minimizados, uma vez que utilizam produtos, equipamentos e atuam com equipamentos de proteção adequados para esse tipo de limpeza. Além disso, proporciona a economia e redução de custos, já que não há a necessidade de se preocupar com máquinas e equipamentos especializados, que são fornecidos pela própria empresa contratada.


Gostou da resenha? Quer saber mais sobre esses serviços? Entre em contato conosco e faça já seu orçamento!

www.kiargos.com

fernanda@kiargos.com

(21)2524-3656 - (21)2220-2657




13 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
SIGN UP AND STAY UPDATED!
  • Grey Instagram Ícone
  • Grey LinkedIn Icon
  • Grey Facebook Icon
  • Instagram ícone social
  • LinkedIn Social Icon
  • Facebook Social Icon
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now